Expresso PPR

Expresso PPR: mais uma ação do Planejamento Participativo

Além das diversas reuniões realizadas em todas as regiões e territórios de Belo Horizonte, a Secretaria Municipal Adjunta de Gestão Compartilhada lançou, em 2015, mais uma importante ação do Planejamento Participativo Regionalizado: o Expresso PPR. Criado com o objetivo de mostrar, na prática, as ações responsáveis pela melhoria da qualidade de vida da população, a iniciativa levou moradores de todas as regiões da cidade para conhecer a estrutura e as ações realizadas em equipamentos públicos das áreas de Saúde, Educação, Segurança Alimentar e Nutricional, Políticas Sociais, Cultura e Esporte e Lazer, que consistem em resultados alcançados a partir das propostas apresentadas pelos cidadãos por meio do Planejamento Participativo.

Entre novembro de 2015 e abril de 2016, foram realizados oito encontros com a participação de cerca de 3 mil pessoas, que representam diversos segmentos da sociedade, como líderes comunitários, empresários, comerciantes, servidores públicos e lideranças religiosas. Em todas as edições do Expresso PPR, as caravanas tiveram início na sede de cada secretaria regional, de onde saíram os ônibus que levaram os moradores para as visitas aos 27 equipamentos públicos previstos nos roteiros. Além de dar oportunidade para os moradores conhecerem as realizações da Prefeitura em cada região da cidade, os encontros do Expresso PPR proporcionaram o compartilhamento de ideias entre gestores públicos e membros da sociedade civil, que, juntos, puderam debater iniciativas em andamento e planejar ações para a cidade.

Ao fim de cada evento, os participantes preencheram avaliações sobre o Expresso e o resultado indicou que 96% dos moradores que visitaram os equipamentos tiveram sua opinião anteriormente construída a respeito da Prefeitura alterada para melhor.

 

Roteiros

No Barreiro, os participantes do Expresso PPR conheceram a Unidade Municipal de Educação Infantil (Umei) e o BH Cidadania do bairro Petrópolis e a Escola Municipal Solar Rubi, enquanto os moradores da região Centro-Sul tiveram a oportunidade de visitar o Teatro Francisco Nunes, a nova pista de skate do Parque das Mangabeiras, a Umei Capivari e o Mirante do Mangabeiras, um dos principais pontos turísticos de BH. O Centro Cultural Santa Tereza, o BH Cidadania Granja de Freitas e a Umei Alto Vera Cruz foram os espaços visitados pelos participantes da região Leste, enquanto a Regional Nordeste levou os moradores para conhecerem o Centro de Referência em Saúde Mental Álcool e Outras Drogas (Cersam-AD) da região, a Escola Municipal Jardim Vitória e a Umei Jardim Vitória II. Os participantes da região Noroeste puderam conhecer a Unidade de Acolhimento Institucional Fábio Alves dos Santos, o Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável e a Umei Nova Esperança.

A Umei Guarani, a Escola Municipal Sérgio Miranda e o Centro de Referência em Saúde Mental (Cersam) foram os equipamentos visitados pelos moradores da região Norte, enquanto os participantes da região Oeste conheceram o BH Cidadania/Cras Vista Alegre, a Umei Palmeiras e os parques Aggeo Pio Sobrinho e Jacques Costeau. A caravana da Regional Pampulha, por sua vez, deu aos moradores a oportunidade de conhecer de perto a Umei Santa Branca, o Museu Casa Kubitschek, o Centro de Saúde Santa Terezinha e o BH Cidadania São José. A Umei São João Batista, a Praça da Mina e a Escola Municipal de Ensino Fundamental Jardim Leblon foram os equipamentos visitados pelos moradores de Venda Nova.

 

Depois de conhecerem a estrutura física do Hospital Metropolitano Doutor Célio de Castro, o Hospital do Barreiro, os participantes de todas as regiões se encontraram, ao final das caravanas, no bairro Buritis, onde visitaram as instalações do Centro de Operações da Prefeitura de Belo Horizonte (COP-BH). O equipamento foi concebido com a missão de promover uma gestão eficaz e eficiente dos serviços prestados à população pela Prefeitura, por meio de um modelo de controle integrado dos principais serviços do Município, como defesa civil, saúde, segurança, mobilidade urbana e fiscalização, entre outros. No COP, os participantes do Expresso PPR se encontraram com gestores de diversas áreas de atuação da administração municipal e tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas sobre diferentes temáticas.

 

PBH

Subsecretaria de Participação Popular
Av. Afonso Pena, 1212, Centro – 30130-003
Telefone 3277-8342 | E-mail: participe@pbh.gov.br
Todos os direitos reservados @2017 Prefeitura de Belo Horizonte
Fale Conosco